Make your own free website on Tripod.com

Monte Sinai

A Pesquisa Científica com Células-Tronco Embrionárias: Uma Ladeira Muito Escorregadia

http://www.cuttingedge.org

 

 

Há mais de uma década, o Plano das Seis Etapas para a Mudança do Comportamento vem sendo usado para fazer a sociedade aceitar essa abominação. Acabamos de entrar na Etapa 5, a polêmica provocada por um especialista respeitado falando em um fórum respeitável. A porta para o assassínio irrestrito de bebês está prestes a ser escancarada.

A Nova Ordem Mundial está chegando! Você está preparado?

Compreendendo o que realmente é essa Nova Ordem Mundial, e como está sendo implementada gradualmente, você poderá ver o progresso dela nas notícias do dia a dia!


Resumo da Notícia: "O senador Frist, influente no Gabinete da Presidência, apóia a pesquisa científica com células-tronco embrinárias", reportagem de Laurie McGinley, Wall Street Journal, 18/7/2001, pg A20.

"Washington - Enquanto o furor acerca da pesquisa científica com células-tronco embrionárias atinge o ponto de fervura, o senador Bill Frist, um influente assessor do presidente em questões ligadas à área da saúde, declara seu apoio ao financiamento às pesquisas - dentro de rígidas diretrizes éticas e científicas."

Vamos parar aqui, pois essa declaração resume o maior truque de propaganda possível quando alguém está tentando persuadir a opinião pública sobre um assunto controverso, especialmente quando mexe com as emoções das pessoas. Todo esse assunto está sendo apresentado no mesmo esquema que o aborto no fim dos anos 60 e início dos anos 70, e os eventuais resultados serão os mesmos: pesquisa com células-tronco embrionárias irrestrita por qualquer motivo e sob qualquer circunstância que os pesquisadores da área médica e a iniciativa privada desejarem.

Antes de analisarmos o fato de que esse embate está sendo travado nas linhas clássicas do processo dialético conhecido como Plano de Seis Etapas Para a Mudança de Comportamento, vamos examinar as palavras "rígidas diretrizes éticas". Qual fonte "ética" os proponentes consultaram antes de decidir continuar com o assassínio de bebês nessa pesquisa com células-tronco? A maioria das pessoas lerá a palavra "éticas" e concluirá que os pesquisadores procuraram uma fonte religiosa bem posicionada sobre esse assunto, possivelmente a Bíblia ou o clero do segmento protestante ou católico romano. Na realidade, a única fonte "ética" consultada sobre o assunto foi a mesma fonte não-cristã que deu sua opinião durante a discussão sobre o aborto - os ocultistas Illuminati que sempre dominaram este país na maior parte de sua história, desde 1776. [veja o Seminário 2, América Determines The Flow of History (Os EUA Determinam o Fluxo da História), disponível em fitas cassetes no site da The Cutting Edge.]

Esses ocultistas Illuminati também são auxiliados e estimulados pelo movimento cristão protestante liberal, que agora vendeu sua alma em troca da criação das megaigrejas e do louvor dos homens. Durante a discussão sobre o aborto, os proponentes enfatizaram a questão de quando a vida humana inicia. Argumentam vigorosamente que a vida humana não começa na concepção - quando o espermatozóide masculino penetra no óvulo feminino para produzir a primeira e delicada célula. Na verdade, deliberadamente obscureceram esse assunto ainda mais quando afirmaram que ninguém sabe exatamente quando a vida humana inicia. De uma maneira preocupante, algumas revistas da Nova Era estão argumentando já há algum tempo que a vida humana não pode ser definida como tal até bem depois do nascimento! Veja:

"Acredito que o significado de vida seja a cognição e a consciência de si mesmo, não meramente a sobrevivência visceral", afirma Fred Plum, neurologista-chefe da Escola de Medicina da Universidade Cornell - New York Hospital [Omni Magazine, Last Rights (Os Últimos Direitos), por Michael Henricott, setembro de 1987, pg 59 em diante].

Essa definição significa que a sociedade deve esperar por um certo tempo após o nascimento do bebê para determinar se ele é realmente um ser humano digno da proteção da sociedade [Nota: Se você possuir discernimento espiritual, poderá ouvir os passos cada vez mais próximos do vindouro Holocausto planejado].

Por outro lado, essa definição do Dr. Plum significa que a sociedade pode determinar quando uma pessoa outrora totalmente operacional sofreu uma degeneração e perdeu a capacidade "cognitiva e de ter consciência de si mesma". Mais adiante, esse artigo chama tais pessoas de 'almas perdidas' que subsistem irracionalmente no que é chamado de 'estados vegetativos persistentes'." [Ibidem; ênfase adicionada] Portanto, a indústria médica tem um álibi para "encerrar" a vida de alguém que não se encaixe nesse critério.

Por essa definição, os cientistas não estão mais preocupados somente com a vida e com o bem-estar de seus pacientes; ao contrário, adotaram numa visão biomédica neo-nazista que deixaria Adolf Hitler orgulhoso! O Dr. Wolf Wolfensberger, da Universidade Syracuse, um defensor dos deficientes físicos, escreveu um pequeno livro que não pôde publicar, muito embora seja um autor conhecido. Ele afirma enfaticamente que os médicos e enfermeiras norte-americanos já adotaram essa visão biomédica neo-nazista e estão matando mais pacientes por ano pelo mau uso do tratamento médico que os nazistas mataram de forma semelhante durante todo o período de doze anos sob o governo de Adolf Hitler. O nome do livro é The New Genocide of Handicapped and Afflicted People; recomendo muito que você leia esse livro caso tenha alguma pessoa amada que seja deficiente ou idosa ou que sofra de um problema médico há algum tempo. A indústria médica americana já adotou essa visão neo-nazista.

Mas, por que deveríamos nos surpreender, se o Movimento de Nova Era, que está liderando a mudança de atitudes e valores da população em geral para que o Anticristo possa aparecer, é simplesmente nazismo reavivado [Leia o artigo N1185, "Historiador Secular Investiga as Raízes Ocultistas do Nazismo e Comprova a Similaridade com a Nova Era!" para entender todos os detalhes].

A Bíblia Diz Quando a Vida Humana Inicia

Vamos retornar à discussão sobre a pesquisa científica com células-tronco embrionárias, já que esse assunto controverso envolve a vida em seu início. Quando começa a vida humana? Vamos passar alguns momentos consultando o único sistema ético que vale no agora e na eternidade, a Bíblia Sagrada. Faremos uma descoberta muito importante: a Bíblia afirma que a vida humana começa na concepção!

Salmo 51:5 - "Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe." [Salmo do rei Davi, lamentando seu pecado com Bate-Seba]. Portanto, vemos que o pecado em uma pessoa está presente desde o momento da concepção, esse é o motivo pelo qual Jesus Cristo foi milagrosamente concebido sem um pai humano, para que não possuísse o pecado inerente! Se o pecado está presente na concepção, podemos saber que o ser humano também é criado no momento da concepção.

Mateus 1:18-20 - "Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, achou-se ter concebido do Espírito Santo. Então José, seu marido, como era justo, e a não queria infamar, intentou deixá-la secretamente. E, projetando ele isto, eis que em sonho lhe apareceu um anjo do Senhor, dizendo: José, filho de Davi, não temas receber a Maria, tua mulher, porque o que nela está gerado é do Espírito Santo."

Em que momento estava Jesus presente no ventre de Maria? Desde o momento da concepção.

Juízes 13:3 - "E o anjo do SENHOR apareceu a esta mulher, e disse-lhe: Eis que agora és estéril, e nunca tens concebido; porém conceberás, e terás um filho." Em que momento Sansão estava presente no ventre de sua mãe, Manoá? Desde a concepção.

Salmos 139:14-16 - "Eu te louvarei porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito bem. Os meus ossos não te foram encobertos, quando no oculto fui feito, e entretecido nas profundezas da terra. Os teus olhos viram o meu corpo ainda informe; e no teu livro todas estas coisas foram escritas; as quais em continuação foram formadas, quando nem ainda uma delas havia."

Isaías 7:14 - "Portanto o mesmo Senhor vos dará um sinal: Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, e chamará o seu nome Emanuel." Novamente, o Messias estava presente no ventre da virgem desde o momento da concepção.

Jeremias 1:4-5 - "Assim veio a mim a palavra do SENHOR, dizendo: Antes que te formasse no ventre te conheci, e antes que saísses da madre, te santifiquei; às nações te dei por profeta."

Lucas 1:31 - "E eis que em teu ventre conceberás e darás à luz um filho, e pôr-lhe-ás o nome de Jesus."

Hebreus 11:11 - "Pela fé também a mesma Sara recebeu a virtude de conceber, e deu à luz já fora da idade; porquanto teve por fiel aquele que lho tinha prometido." Isaque estava presente no ventre de sua mãe desde o momento da concepção.

Como você pode ver, a Bíblia ensina claramente que uma pessoa está presente no ventre desde o momento da concepção. Aos olhos de Deus, não existe um período em que o pequeno bebê unicelular não é humano. Não existe uma época em que esse bebezinho é um embrião não-humano. Matar um bebê unicelular é homicídio, não importa a maneira pela qual o óvulo humano foi fertilizado pelo espermatozóide, nem se a concepção ocorreu dentro do ventre ou em um tubo de ensaio.

Diretrizes Rígidas Propostas para Proteger Contra o Abuso ou o Uso Indiscriminado

Com esse conceito firme na sua mente, continuemos com o artigo que estamos analisando.

"O senador Frist, um cirurgião especialista em transplantes que permaneceu silencioso publicamente sobre o assunto, expôs ontem seu ponto de vista em uma entrevista de 45 minutos em seu gabinete no Capitólio. Seu plano detalhado de dez pontos limita o número de linhas celulares embrionárias a serem usadas, requer procedimentos rigorosos de solicitação/autorização e proibe a criação de embriões para pesquisas, tanto as financiadas com verbas públicas quanto pela iniciativa privada... As verbas federais poderiam ser empregados somente para células-tronco derivadas de embriões restantes de procedimentos de fertilização in vitro e que de outra forma seriam descartadas... O plano limita o número de linhas celulares nas quais os cientistas financiados pelo governo podem trabalhar... reduzindo assim as linhas para limitar o número de embriões necessários para atingi-las." [Ibidem]

O presidente Bush está francamente encurralado no paredão da opinião pública atualmente por causa desse assunto. Ele sabe que seu eleitorado cristão conservador está atento, observando como ele procederá. Como ele poderia agir de forma a permitir que essa indústria moralmente hedionda avance e, ao mesmo tempo, não perder seu eleitorado conservador?

A resposta mais provável seria enganar seu eleitorado cristão conservador fazendo-o pensar que ele procedeu de modo a favorecê-los, abrindo tão pouco a porta para a pesquisa com células-tronco que isso nunca poderá realmente se tornar um grande problema. É claro, o presidente sabe muito bem que, assim que a porta que proíbe essa terrível prática estiver um pouquinho só aberta, poderá ser forçada a abrir totalmente durante um certo período de tempo, usando aqueles passinhos de bebê que ninguém percebe.

Isso parece ser exatamente o que está vindo a público agora, com o senador Frist, do Tennessee.

Você precisa entender que essa situação é idêntica à perda da batalha contra o aborto. Entretanto, antes de irmos tão longe em nosso estudo, vejamos o plano segundo o qual o senador Frist e o presidente Bush estão agindo. Uma vez que você compreenda o que estão fazendo, estará mais facilmente capacitado para alertar os outros e possivelmente para agir de maneira a deter esse fiasco da pesquisa com células-tronco embrionárias.

Sempre que os Illuminati querem mudar os valores e as atitudes das pessoas diante de um determinado assunto que a população considera hediondo, colocam em prática um plano de seis etapas que irá gradualmente, quase imperceptivelmente, mudar os valores e as atitudes das pessoas. Assim que uma pessoa caia vítima desse plano gradual, passa a acreditar que adotou essa nova atitude por conta própria, e resistirá a acreditar se alguém lhe disser que foi manipulada.

Eis o plano pelo qual os valores e as atitudes de toda uma população podem ser alterados de forma quase imperceptivel:

Plano das Seis Etapas Para a Mudança do Comportamento

Etapa 1. Alguma prática tão ofensiva que nem deveria ser discutida em público é defendida por um especialista respeitado em um fórum respeitável.

Etapa 2. A princípio, o público fica chocado, depois indignado.

Passo 3. No entanto, o simples fato que tal coisa tenha sido debatida publicamente torna-se o assunto do debate.

Passo 4. No processo, a repetição prolongada do assunto chocante em discussão gradualmente vai anulando seu efeito.

Etapa 5. As pessoas não ficam mais chocadas com o assunto.

Etapa 6. Não mais indignadas, as pessoas começam a debater posições para moderar o extremo, ou aceitam a premissa, procurando, preferivelmente, os modos de atingi-la.

A pesquisa com células-tronco foi um assunto de baixa prioridade durante quase uma década. Durante a administração Clinton, percorreu gradualmente seu caminho pelas Etapas 1 a 4, com a ajuda da mídia de massa, ao ponto em que o público agora não fica mais chocado com o tema. Agora, um especialista respeitado [o senador Frist, do Tennessee], um "cirurgião especialista em transplantes", vem a público apresentar um plano que permita que essa pesquisa satânica prossiga, mas sob as mais rígidas restrições "éticas". O senador Frist está falando em um fórum respeitável, o Senado norte-americano; e a população sem discernimento acreditará que, se alguém está em condições de dizer se a pesquisa com células-tronco deve prosseguir, e sob quais condições, esse alguém é um cirurgião especialista em transplantes!

As Rígidas Diretrizes de Adolf Hitler Para a Proteção dos Inocentes

Antes que algum de vocês acredite nessas "rígidas diretrizes", devem saber que essa mentira foi contada por todos os líderes que defendiam conceitos moralmente repugnantes, começando com Adolf Hitler.

Quando Hitler começou discretamente a matar pessoas, e a condicionar o público a aceitar mais, sempre prometia instituir "rígidas diretrizes" para proteger os inocentes! O historiador Robert Jay Lifton descreve esse fato sucintamente em seu livro monumental The Nazi Doctors: Medical Killing and the Psychology of Genocide [Os Médicos Nazistas: Assassinatos Médicos e a Psicologia do Genocídio]. Veja:

"Antes de Auschwitz e dos outros campos de concentração, os nazistas adotaram uma política de matança médica direta: isto é, uma matança produzida por meios médicos, em cumprimento às decisões médicas, e executado pelos médicos e seus assistentes. Os nazistas chamaram esse programa de 'eutanásia'... esse termo camuflava o homicídio em massa..."

Não se engane a respeito dessa pesquisa com células-tronco: Quando um embrião [um delicado bebê humano] é assassinado para "pesquisa" um assassinato médico acaba de acontecer. O tempo provará que não há a menor diferença entre o assassínio médico das células-tronco e o assassínio médico praticado pelos médicos nazistas que levaram diretamente às câmaras de gás e aos fornos crematórios do Holocausto que, como resultado final, consumiu 20 milhões de pessoas.

Lifton continua relatando sobre o plano de Hitler para a eutanásia. Para chegar à eutanásia humana, Hitler primeiro optou pela via da esterilização forçada. Nos estágios iniciais, definiu "rígidas diretrizes" para evitar "abusos". Veja:

"'Cortes de Saúde Hereditária' foram criadas para tomar decisões sobre a esterilização... havia também cortes de apelação que tomavam as decisões finais em casos controversos, e nas quais alguns dos líderes médicos mais reconhecidos do regime serviram." [pg 25]

Isso soa como uma espécie de senador Frist, cirurgião especialista em transplantantes, não soa?

Muito rapidamente, em uma questão de uns poucos anos, a visão nazista da medicina começou a se fazer conhecida. O objetivo era obter "uma mudança na atitude de todos os médicos e uma regeneração mental e espiritual de toda a profissão médica". [pg 33]

O passo final era a eutanásia humana, novamente dentro de "rígidas" diretrizes. Lifton relata:

Os médicos nazistas criaram "um processo jurídico cuidadosamente controlado, com os pedidos para assassínio sendo avaliados por uma equipe de três pessoas (um clínico geral, um psiquiatra e um advogado)... uma política para assassínio como essa era misericordiosa e condizente com a ética médica."

Você entendeu essa última afirmação? A eutanásia humana era considerada "misericordiosa e condizente com a ética médica". Você pode ter certeza que os nazistas consultaram o mesmo tipo de "fonte de ética médica" que os médicos dessa pesquisa com células-tronco embrionárias!

As Rígidas Diretrizes Holandesas

"... apesar do exemplo corajoso dos médicos holandeses durante a ocupação nazista, os médicos da Holanda atualmente estão envolvidos na terminação dos pacientes. Além disso, muitos ignoram as diretrizes que foram estabelecidas quando receberam o poder de matar: (1) O paciente deve repetida e voluntariamente pedir a morte; (2) O sofrimento do paciente deve ser insuportável e sem esperanças de recuperação; (3) Pelo menos um outro médico deve ser consultado." [artigo "Death In The Netherlands: Dutch Doctors Kill Defective Children With Impunity" (Morte Na Holanda: Médicos Holandeses Matam Crianças Defeituosas Impunemente), por Nat Hentoff, The Village Voice, 18/2/1997, pg 20]

Não são essas "diretrizes" as mesmas propostas atualmente neste país pelos defensores da eutanásia de adultos? Os defensores estão propondo que essas leis sejam aprovadas, o que estabelecerá essas mesmas "diretrizes", dizendo-nos que essas leis protegerão os inocentes, impedirão os médicos de matar pacientes sem a aprovação e o conhecimento deles. No entanto, vemos que na Holanda, essas leis não estão impedindo os médicos de matarem pacientes livremente.

O Village Voice então lamenta:

"Para os espectadores holandeses, citei o Dr. Herbert Hendin, cujo livro mais recente é Seduced by Death: Doctors, Patients, and the Dutch Cure. Testificando diante de um subcomitê do Congresso, Hendin lança luz sobre a ladeira irreversível que os defensores do suicídio assistido desejam impor sobre nós: 'A Holanda passou do suicídio assistido à eutanásia; da eutanásia dos pacientes em estado terminal para a eutanásia dos doentes crônicos; da eutanásia para doenças físicas para eutanásia para problemas psicológicos; e da eutanásia voluntária à eutanásia involuntária (chamada na Holanda de terminação do paciente sem solicitação explícita)'"

Essa é a escorregadia ladeira espiritual em que a Holanda caiu, e na qual os EUA estão caindo, apenas um pouco atrás. O Dr. Wolfensberger diz que os médicos e enfermeiras americanos já começaram a descer essa ladeira mas ainda não tiveram o apoio político para virem a público e apresentar sua Visão Biomédica.

Agora, vamos retornar ao artigo da Village Voice. "Perguntei então ao entrevistador da televisão holandesa como seu povo pode justificar não somente a 'qualidade de vida' na matança de adultos, o que traz de volta as memórias da ocupação nazista - mas também a liquidação das crianças 'defeituosas'. Um relato da eutanásia das crianças na Holanda vem do Dr. Richard Fenigsen, um cardiologista. Eu o conheci oito anos atrás e ele predisse que a eutanásia sairia inexoravelmente de controle porque, uma vez que a sociedade dá aos médicos o poder de matar, não existem limites verdadeiros."

Isso não é exatamente o que nós, cristãos que cremos na Bíblia estamos dizendo durante todo esse tempo? Uma vez que você dá a um ser humano o poder de matar outro ser humano, ele fará isso com uma freqüência cada vez maior e com uma audácia cada vez maior, apesar de todo seu treinamento médico profissional. Os opositores do aborto há muito tempo predisseram que, uma vez que você avilta a vida no início por meio do aborto, vulgarizará no fim por meio da eutanásia. Logicamente, essa premissa aplica-se irrevogavelmente aqui, se ambos os extremos da vida são aviltados ao ponto de matar aqueles considerados 'indignos', então nenhuma pessoa em qualquer parte dos anos intermediários estará segura. Embora os defensores da eutanásia neguem veementemente que esse cenário seja possível, a situação na Holanda mostra que esse cenário de progressão realmente ocorre, inevitavelmente.

Os médicos americanos já receberam permissão para matar das seguintes formas, todas com diretrizes supostamente rígidas: aborto, infanticídio, aborto com parto parcial, eutanásia de adultos. Estamos prestes a acrescentar a pesquisa científica com células-tronco embrionárias a essa lista?

Criando uma Cultura da Morte Por Meio da Eutanásia

Esse artigo da Village Voice prossegue, examinando como a permissividade com a eutanásia de adultos criou uma "cultura da morte" na sociedade holandesa.

"Oito anos atrás, o Dr. Fenigsen me disse que os idosos holandeses têm medo de ir ao hospital. Eles não querem morrer e temem que o médico, cheio de comiseração pela fragilidade dos velhinhos, decida realizar a eutanásia. E, eles sabem de casos em que aconteceu exatamente isso. Um estudo sobre a eutanásia realizado em 1995 na Holanda revelou que 23% dos médicos entrevistados informaram que já tinham realizado a eutanásia em um paciente sem solicitação explícita. Além disso, pelo menos metade dos médicos holandeses fizeram a sugestão inicial que a morte deveria ser aceita. Isto é, sugeriam a eutanásia aos pacientes." [Ênfase acrescentada]

Você pode acreditar que um médico possa racionalizar seus sentimentos e seu estado mental de tal modo que realmente sinta "comiseração" ao preparar-se para matar um paciente sem a aprovação dele? No entanto, a história registra que essa era exatamente a atitude dos médicos e dos soldados alemães que trabalhavam nos campos de concentração nazistas.

Aborto - Diretrizes Rígidas

Aborto - A sociedade norte-americana está claramente na Etapa 6 nesse aqui, já que um milhão e quinhentos mil bebês nascituros são mortos no útero anualmente. Lembra-se de como perdemos essa guerra? Perdemos nas assembléias legislativas estaduais quando o nosso lado aceitou permitir legalmente o aborto APENAS em situações limitadas, em casos estritamente prescritos, em que a vida da mãe corresse perigo, ou quando a concepção decorresse de estupro ou incesto. Por mais "nobre" que essa aceitação possa parecer para os nossos legisladores ignorantes, abriu uma brecha na porta para essa prática proibida. Não demorou muito e a Suprema Corte escancarou a porta com o caso Roe x Wade, e agora o aborto é praticado em todos os três trimestres da gravidez.

Nunca devemos contemporizar; a contemporização abre a porta para uma derrota posterior.

Agora você pode realmente ver essa ladeira escorregadia chamada pesquisa com células-tronco, e ela se chama Plano de Seis Etapas Para A Mudança de Comportamento. Após um período de árdua batalha [Etapa 4], a porta é aberta apenas um pouquinho [Etapas 5-6], permitindo que a prática questionável ocorra sob diretrizes "severas" ou "rígidas". Os defensores sabem que, se puderem forçar a porta e abri-la somente um pouquinho, poderão muito em breve escancará-la de vez. Esse plano funcionou perfeitamente no caso do aborto, e agora está funcionando perfeitamente na eutanásia de adultos, e está sendo usado na pesquisa com as células-tronco.

O Fim da Etapa 4 - A Batalha Constante

O presidente Bush está se escondendo atrás da folha de bananeira do Plano de Seis Etapas Para a Mudança de Comportamento, segundo o qual um especialista respeitado, falando em um fórum respeitável, propõe um fim para a batalha da Etapa 4. Propõe permitir que a moralmente repugnante pesquisa com células-tronco continue, mas apenas sob "diretrizes rígidas". Que sujeira! A história comprova repetidamente que essa tática para abrir a porta para uma prática questionável sempre funciona: sempre deixa a porta só um pouquinho aberta, de forma que o assunto do debate anteriormente polêmico passe para os bastidores, longe dos olhos do público. Depois, pouco a pouco, essa porta vai sendo silenciosamente aberta mais e mais, até que esteja totalmente escancarada da forma como os seus proponentes originalmente imaginaram.

É exatamente o que está acontecendo nos noticiários atualmente. Nós o encorajamos a não se deixar enganar. Conforme afirmamos anteriormente, o objetivo final é operar esse processo odioso muito além das "diretrizes rígidas" propostas no momento. Qual é o limite que os proponentes da pesquisa com células-tronco têm em mente? Como dizem os detetives de homicídio, "siga o rastro do dinheiro".

O Rastro do Dinheiro Que Provém da Pesquisa com Células-Tronco Embrionárias

A pesquisa com células-tronco cria pequenos embriões fora do útero, atualmente em um tubo de ensaio. Mas o que o futuro reserva? Será que existe um enorme mercado financeiro que exige a capacidade de se criarem bebês humanos vivos à vontade? Considere a seguinte notícia:

Resumo da notícia: "Fetos Serão Criados Para a Coleta, Dizem os Especialistas: Os Estudiosos da Ética Prevêem o Desenvolvimento em Dez Anos", The Sun Chronicle, 20/10/1997, pg 5.

"Londres (AP) - Na próxima década, fetos humanos incompletos serão criados para que seus órgãos sejam coletados para transplantes, e a vigilância do governo precisará impedir os abusos, disse no domingo um especialista em ética. O Dr. Patrick Dixon prevê que seja apenas uma questão de tempo até que a tecnologia de clonagem seja usada para criar fetos incompletos sem cabeças, braços ou pernas 'como usinas de órgãos para as pessoas de amanhã'. Dixon, autor de The Genetic Revolution [A Revolução Genética], fez sua previsão após uma reportagem do The Sunday Times revelar que cientistas ingleses criaram um embrião de um sapo sem cabeça."

"Os cientistas acreditam que a técnica usada para criar um sapo sem cabeça possa ser adaptada para criar órgãos humanos como corações, rins e fígados em um útero artificial... é apenas uma questão de tempo - cinco a dez anos - até que os cientistas criem fetos incompletos para a obtenção de órgãos humanos."

Os órgãos para transplante estão bastante escassos no momento, e podem custar até cinqüenta mil dólares cada, dependendo do órgão desejado. Um corpo humano contém produtos químicos que valem menos do que dez dólares mas pode potencialmente proporcionar uma "coleta" de cerca de U$250.000 se os órgãos forem vendidos separadamente! Há mais de dez anos, a revista abre-alas do plano Iluminista para o mundo, a Omni Magazine, publicou um artigo chamado "Last Rights" [Omni Magazine, setembro de 1987, pg 59 em diante, por Michael Henricott] no qual propunha descaradamente a coleta deliberada de corpos humanos para a obtenção de seus órgãos. Veja:

"Deitado de frente, olhos fechados, respirando ritmicamente, R. H., de 1,86m e 75 Kg é um belo homem. No entanto, ao mesmo tempo em que alguém possa estar admirando sua estrutura física, os cirurgiões perfuram a pele e os músculos de seu peito, inserem um instrumento elétrico cortante e começam a rasgar a carne. Surpreendentemente, sai pouco sangue, mas há um certo atropelo na sala de cirurgia quando oito médicos metem suas mãos no cadáver, trabalhando rapidamente para desconectar os órgãos dos vasos sangüíneos."

"À medida que cada órgão é retirado, é cuidadosamente acondicionado numa bolsa térmica cheia de gelo e depois levados às pressas até um helicóptero que está aguardando para entregá-los a uma equipe de transplante em outro lugar. Finalmente, depois que os principais órgãos foram removidos, um cirurgião de cabelos loiros do Centro Médico Presbiteriano de Columbia, em Nova York, com olheiras escuras nas pálpebras, diz para o anestesista desconectar os tubos e desligar o respirador."

Esse paciente foi levado ao hospital com "morte cerebral", vítima de um acidente. Ele nunca foi reanimado porque era "doador de órgãos". Se você atualmente possui uma cédula de identidade de doador, talvez deva reconsiderar, pois essas cédulas dão permissão ao hospital para "coletar" seus órgãos, especialmente se os funcionários do hospital não conseguirem contatar imediatamente seus parentes. Veja este artigo da Omni Magazine:

"Muitas pessoas temem que os médicos removam seus rins antes que estejam mortas", diz Montefiore's Tellis. Mas não devemos nos preocupar. "De fato, as cédulas de doador são sua melhor garantia. Se você chegar ao hospital gravemente ferido e a sua sobrevivência for uma séria dúvida, eles provavelmente lhe darão o melhor tratamento possível. Pelo bem dos seus órgãos."

O autor desse artigo da Omni Magazine então pergunta a um dos jovens pesquisadores quando começa a vida.

"Então a questão da morte por fim torna-se a questão do que é a vida. Após quase vinte anos de pesquisa sobre a morte, Korein anda mais empolgado hoje em dia com a vida. O processo do nascimento é, em certo sentido, apenas o oposto de morrer. Quando começa o ser humano? Na fertilização? Quando é um embrião? Há uma fase construtiva entre 10 e 20 semanas da vida fetal, quando os neurônios estão sendo produzidos e organizados. O feto se move com cerca de oito semanas, afirma Korein, mas trata-se da atividade do cordão espinhal, uma função vegetativa. Por volta de 20 a 24 semanas o cérebro começa a mostrar sinais de atividade elétrica e sináptica. 'Aí', ele afirma, 'você poderia dizer que se trata da possibilidade mais precoce de vida mental cerebral. Não há a capacidade de agir como um bebê normal com três dias de vida, mas as peças estão no lugar, começando a se desenvolver e se conectar. É o início da vida de uma pessoa - 'vida cerebral'."

Portanto, como você pode ver, os Iluministas redefiniram o início da vida como sendo a atividade cerebral. Assim, podem matar um "embrião" dentro do período de vinte semanas sem sentir que estão matando um ser humano.

Conclusão

Os EUA não continuam apenas descendo essa "ladeira escorregadia", mas o resultado final será uma enorme máquina de ganhar dinheiro com a criação de "fetos" para uso em doações de órgãos e diversos outros tipos de tecidos, conforme os pesquisadores médicos estão dizendo.

Neste momento, posso ouvir estas palavras de julgamento ecoando em meus ouvidos: "E clamou fortemente, com grande voz, dizendo: Caiu, caiu a grande Babilônia, e se tornou morada de demônios, e covil de todo espírito imundo, e esconderijo de toda ave imunda e odiável." [Apocalipse 18:2]

Os EUA se tornaram o "lar" ou refúgio de demônios, e esconderijo de toda ave e animal imundos que os satanistas usam em suas cerimônias. Os pecados do país se acumularam até o céu, e chegou o tempo de Deus se lembrar de suas iniqüidades para o julgamento. O fim dos tempos está realmente se aproximando.

 


Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são um tempo em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do espírito de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que Ele é real e que o Fim dos Tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna em Seu Reino, como se já estivesse com Ele.  Se quiser saber como nascer de novo, CLIC AQUI AGORA!!!

No entanto, se a dificuldade está nas doutrinas (de homens) que a sua igreja prega, siga então o último conselho bíblico: Saia dela Povo Meu! Apoc 18:4.

...E, se Eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos tomarei para Mim mesmo, para que onde Eu estiver estejais vós também. João 14:3

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam que Jesus está às portas!!!

Que Deus o abençoe.

Clic Aqui para enviar esta Matéria para um amigo!

 

HOME

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

..