Make your own free website on Tripod.com

Monte Sinai

OS JUSTOS VÃO REALMENTE MORAR NO CÉU?

 

Para uma perfeita compreensão deste TEMA sugerimos a leitura de: Quem será levado e quem será deixado? 

 

Texto Básico: Apocalipse 21:1-8

Verso Áureo: "Os céus são os céus do Senhor; mas a terra deu-a Ele, aos filhos dos homens”. (Salmo I 15:16).

 

INTRODUÇÃO DA LIÇÃO

A maior ansiedade dos religiosos, ou pelo menos da grande maioria, é um dia ser trasladado ao Céu, onde Deus habita e tem Seu trono, e lá passar algum tempo ou mesmo a eternidade.

Seria isto possível? Haveria algum respaldo bíblico a sustentar esta teoria?

Muitos acham que sim, e valem-se de certas passagens bíblicas para se apoiarem. No entanto, é mister que se examine tais textos com muito temor e cuidado. Não se torna um versículo isolado de seu contexto.

A interpretação correta das Escrituras é aquela em que os versículos harmonizam-se com a inspiração de todo o capítulo ou assunto tratado.

 

ATIVANDO NOSSA MEMÓRIA

De onde, na verdade, procede a idéia de morar por algum tempo ou eternamente no Céu, já que isto não vem dos santos apóstolos e profetas?

A história fala-nos dos homens, denominados filósofos, que criaram ou introduziram na religião romana papal, a idéia de se morar no Céu. O povo de Is­rael nunca creu nisto.

Bertrand Russel em "História da Filosofia Ocidental" diz: "O Deão lnge, em seu valioso livro sobre Plotino, ressalta acertadamente, o que o cristianismo lhe deve. O platonismo - diz ele - é parte da estrutura vital da teologia cristã, com a qual nenhuma outra filosofia, ouso dizê-lo, poderia funcionar sem atritos. Há, diz, urna extrema impossibilidade de extirpar-se o platonismo do cristianismo, sem o que o cristianismo se faça em pedaços". Assinala que Santo Agostinho refere-se ao sistema de Platão como o "mais puro e brilhante de toda a filosofia".

Santo Agostinho é tido como um dos maiores mestres da religião papal.

Recomendamos que se pesquise o assunto de morada no Céu e imortalidade da alma em obras que versem sobre as idéias dos antigos filósofos gregos.

Muitas surpresas advirão!

 

QUESTIONÁRIO:

1. Qual era a esperança de Israel e dos apóstolos quanto à vinda do Messias?

Em nenhum momento os apóstolos e demais israelitas manifestaram crença em um reino ou morada no Céu com o Messias:

Lucas 1:67-75 – Uma libertação literal dos inimigos e uma era de paz.

Lucas 24:21 – Desapontados, pois esperavam já o reino messiânico.

Lucas 19:11; João 6:14 – Achavam que o reino seria implantado imediatamente.

Atos 1:6-8 – Jesus declara a missão da Igreja, antes de estabelecer o Reino.

2. Podemos encontrar nas Escrituras, vestígios da intenção de morar ou alcançar o Céu?

A primeira intenção de que temos notícia, foi a dos seguidores de Ninrode, em Babel, na terra de Sinear (Região entre os rios Tigre e Eufrates mais tarde denominada Babilônia).

Eles elaboraram um projeto de edificar uma cidade com uma torre que tocasse os céus. Deus não aprovou tal arrogância e confundiu-lhes as línguas, paralisando a obra (Gen 10:8-10; 11:1-8).

Tal qual a idolatria e seu culto ao deus­-sol, a teoria de uma ida ao Céu, também tem suas raízes na Babilônia.

3. Que personagem planejava não só subir ao Céu, bem como lá estabelecer seu trono e tornar-se semelhante ao Deus Altíssimo?

Satanás teve este plano e daí pode ter saído a inspiração para os pagãos inventarem uma recompensa totalmente estranha às promessas das Escrituras (Isa 14:13,14).

4. Que lugar, segundo as Escrituras, é destinado aos homens justos?

Os mansos herdarão a Terra e os ímpios dela serão desarraigados (Mat 5:5; Sal 37:3, 9-11, 18-20, 22, 29, 34; 10: 16; 52:5; Prov 2:21,22; 10:30).

Na vinda de Jesus, os habitantes dentre os homens que sobreviverem à grande destruição, converter-se-ão e buscarão ao Senhor. As promessas a Abraão implicam num reino aqui na terra (Rom 4: 13; Gen 12:1-3,7; 13:14-17) e é isto que os gentios convertidos, igualmente herdarão (Gal 3:29).

5. Afinal, o que vem a ser o Céu?

O Céu é o trono de Deus (Atos 7:49; Isa 66:1; Sal 11:4; Habac 2:20). Jesus o confirma, proibindo o juramento (Mat 5:34,35) e revelando, inclusive, que Jerusalém terrena é a cidade do grande Rei. Vemos aí a arrogância dos homens!

6. Não disse Jesus em João 14:2-3 que na Casa do Pai havia muitas moradas, e que os salvos seriam trasladados para lá?

Na verdade, Jesus disse que na Casa do Pai havia sim, muitas moradas (preparadas para os salvos) e que Ele tinha que lá comparecer, mas não disse que iríamos para lá. Se nós entendermos que estas moradas referem-se à santa Jerusalém Celestial, convém examinar em Apocalipse 21:1-4.

Aqui constatamos que esta cidade vai descer do Céu depois do Milênio, depois que a Terra estiver totalmente renovada.

Notaremos, inclusive, que nela não há homens. Sim, depois que descer é que será a habitação de Deus com os homens.

João 14, na verdade, é uma continuação do capítulo 13, onde Jesus dialogava com os Seus discípulos sobre Sua separação deles. Este diálogo os entristeceu e Jesus alentava-os, instando­-os a seguirem firmes; que não estariam órfãos e que Ele voltaria para estar novamente com eles.

Eles não sabiam sequer para onde Jesus ia. Como poderiam então ter uma crença de uma morada no Céu?

Saiba Mais:

Morada nos Céus - Desvario de religiões e religiosos.

O chamado "cristianismo", que quase em sua totalidade, defende uma morada nos Céus, ainda que por um pouco de tempo, alega que "Jesus salva, cura, batiza com o Espírito Santo e leva o homem para o Céu. " Que o Senhor salva, cura e batiza com o Espírito Santo, estamos certos.

Mas que leva o homem para o Céu, isto Jesus nunca prometeu. Ao contrário, Jesus deixou-nos claro que para lá ninguém pode ir. Nas citações que se seguem, Jesus fala, tanto aos judeus incrédulos, como a seus próprios apóstolos que, para onde Ele ia não poderiam seguí-lo:

"Disse-lhes pois Jesus: Ainda por um pouco de tempo estou convosco, e depois vou para aquele que me enviou. Vós me buscareis, e não me achareis; e onde eu estou vós não podes vir. Disseram pois os judeus uns para os outros: Para onde irá este que O não acharemos? Irá porventura para os dispersos entre os gregos? Que palavra é esta que disse: buscar-me-eis, e não me achareis; e Aonde eu estou vós não podeis ir? (João 7:33-36).

Não obstante Jesus estivesse dirigindo-se a um grupo de judeus que não O aceitavam como Messias, estes certamente que, como judeus que eram, tinham certo conhecimento das profecias. O que nos estranha é que eles ficaram tentando adivinhar para onde Jesus iria, que eles não O podiam acompanhar. Pensaram até na possibilidade do Mestre ir para os dispersos entre os gregos. Se a idéia de uma ida ao Céu fizesse parte da fé deles, estes não concluiriam logo, que Jesus estava falando de ir para lá? O importante é o leitor notar que Jesus foi claro que, para onde Ele ia, ou seja, para o Céu, estes não poderiam acompanhá-Lo. Vejamos outro diálogo confirmando o assunto:

"Disse-lhes Jesus outra vez: Eu retiro-me, e buscar-me-eis, e morrereis no vosso pecado. Para onde eu vou não podeis vós vir. E diziam pois os judeus: Porventura quererá matar-se a si mesmo, pois diz: Para onde eu vou não podeis vós vir? E dizia-lhes: Vós sois debaixo, eu sou de cima; vós sois deste mundo, eu não sou deste mundo." (João 8:21-23).

Novamente eles se perguntam:

"... porventura quererá matar-se a si mesmo... ? Aqui, no entanto, Jesus lhes dá a razão porque não poderiam seguí-Lo: " ... Vós sois debaixo, eu sou de cima: vós sois deste mundo, eu não sou deste mundo. Está claro que Jesus podia voltar ao Céu, porque Ele veio de lá. Quem é da Terra é debaixo e para o Céu não vai. Finalmente Jesus dirige-se aos Seus próprios discípulos, Seus servos dizendo, na verdade, a mesma coisa: que não poderiam acompanhá-Lo para o Céu:

"Filhinhos, ainda por um pouco estou convosco. Vós me buscareis e como tinha dito aos judeus: para onde eu vou não podeis vós ir; eu vo-lo digo também agora." (João 13: 33).

Conforme visto, Jesus não prometeu o Céu para ninguém; nem aos crentes, nem aos incrédulos. Todavia, alguém certamente dirá: Jesus falou que não poderiam seguí-Lo "naquela época", naquele momento, mas que depois O seguiriam!

"Disse-lhe Simão Pedro: Senhor para onde vais? Jesus lhe respondeu: Para onde eu vou não podes agora seguir-me, mas depois me seguirás. " (João 13:36).

Vamos entender isto do modo correto: Jesus tinha reunido-Se com os apóstolos para a Ceia e as últimas instruções, antes de ser entregue nas mãos dos homens para ser sacrificado.

Os discípulos estavam acostumados a seguir o Mestre, onde quer que Ele fosse. De repente o Mestre começa a falar numa separação e isto trouxe muita tristeza e perturbação entre eles. Eles não podiam admitir a idéia de ficarem separados do Senhor. Tanto que, enquanto o Mestre prosseguia falando no amor Pedro o interpela, e, voltando ao assunto anterior da separação, pergunta:

"Senhor, para onde vais?" Jesus repete-lhe que tinha que deixá-los, mas que futuramente estes poderiam novamente segui-Lo.

Jesus não lhes disse que depois O seguiriam para o Céu, mas simplesmente que O seguiriam. Pedro não se conformou, não porque cresse e estivesse ansioso para subir ao Céu, mas porque não aceitava a idéia da separação. Estava disposto a ir até a morte, se necessário fosse, desde que não se apartasse do Mestre:

"Disse-lhe Pedro: Por que não posso seguir-te agora? Por ti darei a minha vida. Respondendo-lhe Jesus: Tu darás a tua vida por mim? Na verdade, na verdade te digo: não cantará o galo enquanto me tiveres negado três vezes." (.1013:37-38).

Todos sabemos que nem isto Pedro na verdade, podia fazê-lo. A tristeza inconsolável não saía de seus corações. Jesus prossegue dizendo-lhes: "Não se turbe o vosso coração ... ", e busca confortá-los falando das moradas celestiais e de que era mister que Ele fosse, certamente para cumprir o restante de Sua obra.

A seguir o Mestre dá-lhes uma viva e gloriosa esperança: Que iria levá-los também para o Céu? Não! Mas que voltada e novamente estaria com eles!

Que onde quer que Ele fosse na Sua volta, levaria-os consigo: " ... virei outra vez e vos levarei para mim mesmo, para onde eu estiver estejais vÓs também." (João 14:3).

Veja que Jesus não está tratando aqui de um futuro traslado de seus discípulos para o Céu, mas dizendo que voltaria a estar e a andar com eles. E só isto mesmo! Mas ... e as moradas celestiais? Quer dizer que não iriam morar nelas?

"Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, credes também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar. E, se eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. " (.1014:1-3).

7. Como compreender as passagens, que parecem dizer que o Céu é o lar dos remidos?

Notem que todas as passagens que falam de uma cidade, pátria nos Céus, não dizem que vamos habitar lá. Esta cidade vem para cá . Lembre-se que o Céu é o trono de Deus. Reino dos céus, está correto e é diferente de Reino nos céus.

Repetimos: a Nova Jerusalém só vai abrir suas portas e ser habitada pelos homens, depois do Milênio, quando ela vier para a Terra e Jesus entregar o planeta totalmente purificado

 

OCUPANDO JÁ OS LUGARES CELESTIAIS

"Mas chegastes ao monte de Sião e à cidade do Deus vivo, à Jerusalém celestial, e aos muitos milhares de anjos”. (Hebreus 12:22).

O homem de Deus já ocupa uma gloriosa posição de destaque. Embora não reconhecido no presente século, o povo de Deus vive o Reinado Espiritual da Graça, atuando como nação sacerdotal que anuncia ao mundo as boas novas do Reino de Deus.

Muito em breve virá o Messias Jesus assumir o comando do planeta e estabelecer um Reinado literal de paz e justiça sobre a Terra, no objetivo de levá-la de volta às origens, ao paraíso edênico (Jer 23:5; Isa 11:9; Eze 36:35, 36).

 

 QUESTIONÁRIO

1. Qual era nossa situação antes de aceitarmos o plano de Deus para nossa salvação?

Mortos, sem Deus e em densas trevas: (Efe 2:1-3; 4:17, 18; Col 2:13; 3:6,7). Sem o sacerdócio, o culto e as promessas: (Rom 9:4, 5; 11:17; Efe 2:11,12).

2. Antes éramos escravos de Satanás e do pecado. Com Cristo, qual mudança já é real em nossa vida?

Vivemos na Família de Deus e temos direito, em Cristo, das mesmas promessas feitas aos israelitas (Col 2:12; 3:1­3; Efe 2:13,20; I João 3:2; Gal 3:27-29).

3. Que importante posição ocupamos na condição de povo de Deus? Espiritualmente existe diferença entre um justo e um incrédulo ou ímpio?

Estamos em um nível superior, já em lugares celestiais (Efe 2:5,6; 1:3).

Já não temos mais lutas contra o homem, a carne e o sangue, mas sim contra as potestades espirituais (Efe 6:12).

Este é o sentido de estarmos já em lugares celestiais, conhecendo e vivendo no Reino da Graça e enfrentando inimigos mais poderosos. O ímpio segue em trevas e morto espiritualmente.

4. Que importância especial tem para nós a passagem de Hebreus 12:22?

A Bíblia cronológica de estudos da Editora Vida, data a origem do livro de Hebreus em 64 d.C. Isto significa que, já naquela época, o povo de Deus tinha chegado ao monte de Sião, ;a Jerusalém celestial. Como? Espiritualmente!

Já somos remidos, buscamos as coisas do alto, vivemos no Reino da graça e somos um povo sacerdotal de Deus, que ocupa um lugar de grande autoridade sobre os poderes espirituais da maldade.

5. Faz diferença se estamos ou não ligados e ativos na Igreja de Deus?

É evidente que sim. Como podemos verdadeiramente fazer parte da Família de Deus, se não vivermos juntos e em plena comunhão uns com os outros? (I João 1:7).

A Igreja é o Corpo e Jesus, a cabeça (Efe 1:22,23). Quem estiver afastado ou fora da verdadeira Igreja, não está com ou em Jesus! É necessário estarmos nEle; ligados em Seu Corpo e exercendo, em conjunto com os santos, a tarefa sacerdotal e missionária de anunciar o Evangelho do Reino de Deus (João 15:1-7; Rom 8: I; II Cor 5:17; Atos 2:44-47; I Ped 2:9, 10) .

6. Estando já na verdadeira fé, é correto dizer que estamos buscando a salvação e que obedecemos aos princípios de fé, para sermos salvos?

Nunca devemos nos expressar desta forma. Se já aceitamos a Cristo como nosso Salvador pessoal, fomos batizados e ingressamos na verdadeira Igreja, na verdade já somos salvos!

A Palavra de Deus é clara ao dizer:

"somos salvos." (Efe 2:8,9). Somos e não, seremos! Jesus já consumou Sua obra e por Seu sangue somos redimidos.

Uma vez salvos, temos que lutar sim, não para ganhar a salvação, pois já a temos, mas para conservá-la. "Eis que venho sem demora... guarda o que tens para que ninguém tome a tua coroa." (Apoc 3:11) Ver também cap 2:25.  

7. Existe alguma religião que ensina não estarem os crentes atuais salvos e que Jesus não completou na cruz a Obra da salvação?

Sim. Os adventistas não podem dizer que estão salvos em Cristo: Terão sim, que dizer que estão buscando a salvação, pois, segundo sua fé, dependem de um juízo investigativo iniciado em 1844:

Juízo este designado a identificar os verdadeiramente dignos dos benefícios da salvação ou expiação.

Este assunto abordaremos mais à frente quando analisarmos o tema "Existe um Juízo Investigativo"?

Outras religiões defendem a salvação pelas obras ou méritos pessoais. Ex: Catolicismo, espiritismo e religiões humanistas. Nossas obras devem refletir o fruto de nossa salvação; o resultado natural de uma vida salva por Cristo.

 

CONCLUSÃO

Enquanto que muitos estão inseguros ou mesmo já se julgando como povo de Deus e candidatos a uma morada no Céu por alguns anos ou por toda a eternidade, os verdadeiros cristãos, que se identificam com a Palavra, na realidade, já estão em lugares celestiais em Cristo Jesus.

Relacionamo-nos com Deus, somos assistidos por Seus santos anjos e vive­-mos numa constante batalha, não mais na carne, com os nossos semelhantes, mas com hostes espirituais da maldade.

Buscamos as coisas do alto. Somos vencedores contra o príncipe das trevas.

Esta é a grande diferença, que o mundo não pode conhecer ou entender.

Estamos no mundo sim, mas num nível espiritual jamais sentido pelos que desconhecem a Deus.

Não ambicionamos o Céu, porque o Céu não foi feito para o homem. Lá está o Trono de Deus e é a Sede de Seu Governo.

A nós, Deus reservou a Terra. É, na verdade, o estrado de Seus pés, mas... haveria lugar melhor que este para nós? A Terra é um grande projeto. Está contaminada, mas será purificada, voltando a ser o que Deus considerou "muito bom" (Gen 1:31) .

OBS: Estude Isaias 65/66... Fazendo-se a seguinte pergunta: Quando estas coisas de Isaias 65/66 irão acontecer? Antes ou depois do milênio?

Obrigado, Senhor, por tão grande presente! E obrigado, Senhor, pela salvação em Cristo, que nos assegura a vida eterna!

...e nos ressuscitou juntamente com Ele, e com ele nos fez sentar nas regiões celestes em Cristo Jesus, Efe 2:6

Amém!

 

CURIOSIDADE sobre a expiação:

O Bode (para) Azazel – Dois bodes SEM defeitos eram escolhidos para o grande dia da purificação e como sabemos satanás NUNCA foi sem defeito... Dizer que este bode representa satanás que fica preso durante o milênio e que a ele foi imputada a culpa pelos pecados não é bíblico, pois os versos 5 e 10 de Lev 16 diz que os dois são para a expiação do pecado. O único que expiou, uma vez para sempre o pecado, foi o Filho de Deus. Portanto, os dois bodes representariam as duas fases (julgamento – dentro da cidade -  e cruzfixão) do sacrifício de Jesus que foi levado para fora do arraial para ser morto!

Portanto, acreditar que como o bode emissário representando satanás estará em uma Terra vazia (deserta) durante o milênio é acreditar que a obra de expiação não foi completa na cruz e que depende de os pecados sejam confessados sobre a cabeça de satanás... Heb 9:11, 12; João 1:29. Veja também Heb 10:17, 18.

Além disto, associar o bode azazel a satanás que ficará preso durante o governo milenial do Messias, aqui na Terra, baseando em Jeremias 4:23-26 (EGW) para provar que após a prisão de satanás a terra estará vazia e que isto, portanto, é a prisão (abismo) circunstancial de satanás. Isto não tem fundamento bíblico (caracterizando mais uma afirmação profética errada de EGW), pois se continuarmos lendo o capítulo 4, já no verso seguinte temos o Senhor afirmando: porém não a consumirei de todo... O próprio Jeremias é um dos sobreviventes neste capítulo que prova que a terra será desolada (deserta). Jer 39:10, 14: 40:6 (contexto maior).

Observemos que o contexto maior de Jeremias é o livro todo (Jer 25:11, 13) e que o contexto de Jer 4 são os juízos de Babilônia que viria sobre Judá (Jerusalém – vs 3, 5-7, 16). E, mesmo quando ele fala de assolação e terra vazia, complementa nos versos 23-27 que não a consumirá de todo. White, confirma a sua visão de uma terra vazia usando Isaías 24:6. Nas edições antigas do Grande Conflito (EGW) este verso de Isaias nunca vieram na integra pois a parte final deste verso compromete a visão de uma terra vazia a se ler que poucos homens restarão. Já, nas edições atuais, por um lapso dos editores, tem sido escrito de forma completa, invalidando a visão da profetiza!

Na realidade, satanás será preso para que não tente, durante o governo messiânico, às nações que se formarão durante este milênio terreal (Apoc 20:3). Note bem o que o Apocalipse 20 diz: para que não mais enganasse as nações... Que nações? As que se formarão durante o milênio em que ele estará preso!

Portanto esperai-me a mim, diz o Senhor, no dia em que eu me levantar para o despojo; porque o meu intento é ajuntar nações e congregar reinos, para sobre eles derramar a minha indignação, e todo o ardor da minha ira; pois esta terra toda será consumida pelo fogo do meu zelo. Pois então darei lábios puros aos povos, para que todos invoquem o nome do Senhor, e o sirvam com o mesmo espírito. O remanescente de Israel não cometerá iniqüidade, nem proferirá mentira, e na sua boca não se achará língua enganosa; pois serão apascentados, e se deitarão, e não haverá quem os espante. (Sof 3:8, 9, 13).

Então todos os que restarem de todas as nações que vieram contra Jerusalém, subirão de ano em ano para adorarem o Rei, o Senhor dos exércitos, e para celebrarem a festa dos tabernáculos. Zac 14:16.

OBS: Saiba que a Volta de Jesus se dará durante uma Festa das Cabanas...

E acontecerá que desde uma lua nova até a outra, e desde um sábado até o outro, virá toda a carne a adorar perante mim, diz o Senhor. Isa 66:23

Amém!

 

Ministério Estudando a Bíblia


Você está preparado espiritualmente? Sua família está preparada? Você está protegendo seus amados da forma adequada? Esta é a razão deste ministério, fazê-lo compreender os perigos iminentes e depois ajudá-lo a criar estratégias para advertir e proteger seus amados. Após estar bem treinado, você também pode usar seu conhecimento como um modo de abrir a porta de discussão com uma pessoa que ainda não conheça o plano da salvação. Já pude fazer isso muitas vezes e vi pessoas receberem Jesus Cristo em seus corações. Estes tempos difíceis em que vivemos também são um tempo em que podemos anunciar Jesus Cristo a muitas pessoas.

Se você recebeu Jesus Cristo como seu Salvador pessoal, mas vive uma vida espiritual morna, precisa pedir perdão e renovar seus compromissos. Ele o perdoará imediatamente e encherá seu coração com a alegria do espírito de Deus. Em seguida, você precisa iniciar uma vida diária de comunhão, com oração e estudo da Bíblia.

Se você nunca colocou sua confiança em Jesus Cristo como Salvador, mas entendeu que Ele é real e que o Fim dos Tempos está próximo, e quer receber o Dom Gratuito da Vida Eterna, pode fazer isso agora, na privacidade do seu lar. Após confiar em Jesus Cristo como seu Salvador, você nasce de novo espiritualmente e passa a ter a certeza da vida eterna em Seu Reino, como se já estivesse com Ele.  Se quiser saber como nascer de novo, CLIC AQUI AGORA!!!

No entanto, se a dificuldade está nas doutrinas (de homens) que a sua igreja prega, siga então o último conselho bíblico: Saia dela Povo Meu! Apoc 18:4.

...E, se Eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos tomarei para Mim mesmo, para que onde Eu estiver estejais vós também. João 14:3

Esperamos que este ministério seja uma bênção em sua vida. Nosso propósito é educar e advertir as pessoas, para que vejam que Jesus está às portas!!!

Que Deus o abençoe.

Clic Aqui para enviar esta Matéria para um amigo!

 

HOME

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

..

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

.